sábado, maio 6

✨ Sonha com as Estrelas ✨ II Parte



                                         _________    _____________

Decorar um quarto de uma criança é um grande desafio, isto porque a criança cresce tão rapidamente que os seus gostos e necessidades mudam constantemente.
Tendo em conta essa premissa é necessário ter em conta alguns pontos antes de pôr mãos à obra.
Lembre-se sempre que o quarto deverá ser adaptado ao seu crescimento e às necessidades inerentes da sua idade.
E como o quarto do seu filho será o seu pequeno mundo mágico, permita-o participar na decoração.
Na rúbrica de hoje, deixo-vos algumas sugestões que devem ter em conta se vai decorar ou redecorar o espaço do seu pimpolho.


1. Escolha das cores

A cor base do quarto deverá ser neutra (branco, beges ou cinzas) ou suave para que o espaço seja acolhedor e tranquilo.
Aconselhamos cores mais garridas para breves apontamentos, por exemplo numa parede ou então em peças de decoração, tal como tapetes, almofadas ou mesmo papel de parede.
A escolha da cor deverá também adaptar-se à idade da criança e, por isso mesmo, sugerimos sempre tons mais claros para bebés até aos 2 anos.
As cores, texturas, pormenores decorativos devem sempre estar presentes pois ajudam a estimular os sentidos da criança.


Sugestão: Procure entre as diversas escolhas do mercado uma tinta lavável e não tóxica.



2. Temática

O quarto de uma criança é o seu mundo mágico, o seu refúgio, o espelho do seu ser e dos seus gostos.
Assim sendo, é normal que o tema que escolher esteja de acordo com os gostos do seu filho.
No entanto, lembre-se que a decoração de um quarto não é algo que se mude todos os dias.
E todos nós, pais, sabemos que hoje em dia os gostos das crianças mudam diariamente.
Assim é preferível que a decoração do quarto seja mais neutra, para que seja mais duradoura e se adapte à evolução dos gostos durante o seu crescimento.








3. Organize o espaço

Para começar a organizar o espaço do quarto deverá ter em atenção as etapas de crescimento da criança e as suas necessidades.

0 aos 2 anos
Cor neutras e tons suaves para mobiliário e decoração.
Organização do espaço em áreas como: Dormir, Vestir/Banho, Amamentação/Cantinho do Mimo
Mobiliário indispensável: Berço, Trocador, Cómoda e Poltrona para amamentação.

2 aos 6 anos
Cores mais vivas para estimular a criatividade da criança.
O ambiente do quarto deverá incentivar o desenvolvimento e a criatividade da criança.
Organização do espaço em áreas como: Dormir, Brincar, Criatividade (área para a criança desenhar, ler, pintar).
Mobiliário que se adapte à sua idade e que permita estar em segurança no quarto.

6 aos 10 anos
É importante adicionar uma área de trabalho/ estudo que deverá estar posiciona junto a uma janela para usufruir da luz natural.
A partir dos 10 anos, os gostos começam a mudar e é importante criar um espaço mais organizado, onde a área de brincar diminui para dar espaço a uma zona de trabalho/ estudo mais estruturada e organizada.




Depois da escolha das cores, temática e organização do espaço deverá escolher o mobiliário e as peças de decoração.

Et voilá! O resultado só poderá ser um quartinho amoroso, cheio de encanto, totalmente personalizado ao seu filho e adaptado ao seu constante desenvolvimento! 

                                      _________    _____________

Espero que tenham gostado destas dicas fabulosas da nossa querida Ana. E sabiam que a Ana Rocha®  está a preparar o primeiro workshop de arquitectura de interiores!! E conta convosco para sonharem com ela!

Vão falar do método montessoriano, dos elementos essenciais para o quarto do seu bebé, de como decorar o quartinho de forma prática, criativa e ainda económica!

As vagas são limitadas porque a Ana quer dar um apoio individual a cada pai que participe.
Data: 3 de Junho - Sábado
Horário: 10h às 13h
Local: Valongo - Porto
Para mais informações sobre o workshop envie-nos mensagem privada ou email.
                                        
                                        _________    _____________

Para a próxima rubrica vamos querer responder às vossas dúvidas e questões que tenham acerca deste ou qualquer outro tema do vosso interesse em relação a este Mundo da decoração e design. A Ana faz isto com um gosto e paixão incríveis e está super entusiasmada em poder contribuir para que os nossos papás se sintam mais inspirados e seguros nas suas escolhas. Por isso, já sabem, seja por mensagem, e-mail, ou até mesmo em resposta a este post, façam as vossas perguntas e deliciem-se com as respostas! :)

Beijinhos  

Mafalda e Ana


Para mais informações e opções de contato, espreitem:

Ana Rocha 
Facebook .  @anarochakidstore 
Instagram .  @anarocha_kidsbrand
 
Meia Lua - Mom. Life Lover.
Facebook . @mmeialua
Instagram . @mmeialua

1 comentário:

  1. Anónimo6.5.17

    Ola minha querida amiga Mafalda, excelente percurso/trabalho.
    Ana Rocha adoro tudo o que esteja ligado à decoração, e de um mundo infantil, nem se fala. Parabéns.
    Gostava de colocar umas questões.
    Tenho uma filha com praticamente 20meses. Sempre fui adepta do metodo montessoriano, a partir do momento que o conheci, tive e tenho alguns "problemas" com o sono da Constanca entao andamos sempre a alterar e encontrar o melhor modo de nos facilitar e que ela esteja bem, dai termos optado por pôr tudo no chão (cama). Entretanto ela cresceu e montamos cama de grades no minimo de altura e sem uma grade para que pudesse ficar livremente.. (so que ela dorme é conosco).
    1) minha questão, quando é altura de passar de um colchao 60/1.20m para os outros 90./1.60(penso serem estas medidas ou 1.40m), como se ve na imagem cama tipo casinha?

    2)utiliza o feng shui nas suas "avaliaçoes de decoraçao, para ajudar na localizaçao da cama, espaco brincar e tudo mais, ja que isso tanto influencia? Se sim, como me pode ajudar em saber se como temos esta da melhor maneira.

    3) não temos um quarto com muita margem de manobra de disposicao de coisas, porque so uma parede é roupeiro, mas gostaria se pudesse, enviar foto e ajudar-me.

    Obrigada. Espero ter sido esplicita.
    E continuacao de excelente trabalho.

    Ana mãe da Constança e do blog https://www.facebook.com/anaromaneves/

    ResponderEliminar