domingo, maio 14

Dos sonhos

Pode não interessar a muitos. Pode não interessar a ninguém. Porque esta nota tem que ser escrita, de mim, para mim e para quem possa querer saber e a quem quero agradecer.
Sou a Mafalda, mãe do Martim há 19 meses. Estou na viragem dos 30 e sinto que há qualquer coisa a mudar em mim. Não sei oquê ainda, mas sinto.
Sinto que tive muitos anos fora da minha órbita. Aquela miúda que foi sempre uma sonhadora, uma crente sem causa, foi-se perdendo com a vida e as suas peripécias. Em pequena sonhava ser escritora, sabendo lá eu o que isso seria. Ou professora, ou educadora de infância e até empregada doméstica sonhei ser. Daquelas que teriam que vestir farda e tudo, interna. Loucuras de quem adorava estar para os outros. Desde sempre. Depois mais tarde apaixonei-me pela Fotografia e fui seguindo mais esse caminho.. até tirar o meu curso, ir para Lisboa e ser engolida pelo 'sistema'. Desapaixonei-me por esses sonhos. Deixei de acreditar neles. Lancei-os fora.
O bom nisso foi que fui fazendo outros, mais reais, no aqui e agora. A minha nova maneira de ser, mais prática, realista, permitiu-me concretizá-los.
E foi quando fui mãe, e a coisa deu um clique, de novo. Senti que tinha que mudar de vida, de rumo. Que era uma infeliz no meu trabalho de autêntica escravatura atual. Sofri muito, num pós-parto cheio de medos que veio sem avisos, depois de uma gravidez maravilhosa. Consegui libertar-me e criei um blog, numa altura que existe um para casa lugar e cada pensamento. Mas eu acredito que há espaço para todos.
Precisava de exteriorizar o que me vai na alma. De lá bem do alto da minha Meia Lua, saber que olhava as estrelas e que não estava sozinha. Com o meu filho aprendi a ser criança de novo. Aquela eterna apaixonada pela vida.
Meia Lua - Mom. Life Lover., é um espaço de paixões e inspiração. Este blog não tem tema nem destino. Trata-se de um relato de amor e vivências, tudo misturado e bem regado com pitadas de boa disposição e descontração natural. 
Porque acho que é sempre das poças que vemos o nosso reflexo. Agora voltei a dizer que acredito nos sonhos e até me apelido de mãe e sonhadora a tempo inteiro. Não sei para onde vou, para onde isto me vai levar. Quero escrever. Partilhar. Espalhar amor. Confidenciar. Inspirar. Respirar. E sei que pessoas quero levar comigo nesta viagem. Obrigada a quem está aqui. só porque sim.

 

Meia Lua - Mom. Life Lover.
Facebook . @mmeialua
Instagram . @mmeialua






Sem comentários:

Enviar um comentário